Assine nosso Informe

Seu e-mail*
Seu nome*
CAPTCHA Image
Código Captcha*
   Atualizar código Captcha
Aviso aos assinantes do Informe UFFDEFESA .

TRADUTOR

Portuguese English French German Italian Russian Spanish

PRÓXIMOS EVENTOS

Sem Eventos

CALENDÁRIO DE EVENTOS

Janeiro 2021
D 2a 3a 4a 5a 6a S
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31 1 2 3 4 5 6

VISITANTES

183007
HojeHoje11
OntemOntem58
Nesta SemanaNesta Semana420
Neste MêsNeste Mês1049
TotalTotal183007
Seu ip10.255.255.29
informe UFFDEFESA Dezembro 2016 (#025)

PORTAL  DA

LOGÍSTICA

DE DEFESA

INFORME

UFFDEFESA 

NÚMERO:

025

DATA:

13/01/17

 1) Conforme noticiado no Informe #024, no período de 26 de outubro a 02 de novembro de 2016 o professor Eduardo Brick do UFFDEFESA realizou viagem de pesquisa à Suécia para entender como aquele país planeja a construção e a sustentação de seus Instrumentos de Defesa: As Forças Armadas e a Base Logística de Defesa.

Os resultados dessa pesquisa serão publicados da maneira mais expedita possível, na forma de Relatórios de Pesquisa (ou dossiês) para facilitar o acesso por todos os interessados.

O primeiro Relatório de Pesquisa sobre o Sistema de Defesa da Suécia já está disponível na seção Dossiês do Portal do UFFDEFESA.

Entre os principais resultados destacam-se os seguintes:

a) Com relação à estrutura organizacional, cinco instituições exercem papel importante em relação à Logística de Defesa: o Parlamento, o Governo (através do MOD), as Forças Armadas, FMV (Defence Materiel Administration) e FOI (Swedish Defence Research Agency).

b) Com relação aos papeis desempenhados por essas instituições, existe uma clara separação de responsabilidades:

  • O Parlamento e o MOD não tem qualquer atuação executiva (O MOD possui um efetivo de apenas cerca de 140 pessoas).
  • O Parlamento aprova o planejamento, feito pelo Supremo Comandante das FFAA,  a lei da defesa (que aloca recursos por 5 anos) e os orçamentos anuais.
  • Toda a execução está a cargo de órgãos do Estado estritamente profissionais (FFAA, FMV e FOI), sem qualquer ingerência política no seu dia a dia. A interface entre o poder político e os órgãos de execução é feita exclusivamente através da aprovação dos planos, leis de defesa e orçamentos anuais.
  • O MD interage com as FFAA e prepara as propostas de leis, planos e orçamentos a serem submetidos à aprovação do Parlamento.
  • As FFAA fazem o planejamento da capacidade necessária em um período de 12 anos, condicionado ao orçamento que o Parlamento pode alocar à defesa.
  • As FFAA não tem qualquer responsabilidade sobre a logística de defesa, exceto parte da logística de operações.
  • A FMV tem total autoridade para gerenciar a logística de defesa, inclusive parte substancial da logística de operações. Ela atua sob contratação pelas FFAA, que recebem os fundos orçamentários necessários.
  • A FOI é uma organização com capacidade para realizar pesquisa e análises para os demais. FOI também atua sob contratação dos demais.

 2) Encontra-se em elaboração relatório sobre o Sistema de Defesa do Reino Unido que será divulgado assim que estiver pronto.

 

   Direitos Reservados @ 2012 Todos os Direitos Reservados

Respeitamos sua privacidade e nunca divulgamos email de assinantes. 

Para cancelar sua assinatura, clique aqui.

Editor-Chefe: Prof. Eduardo Siqueira Brick
Copyright © 2011 Portal do UFFDEFESA. Todos os direitos reservados.